11 de abril de 2011

Excesso de musculação


Já está mais do que comprovado que a prática de musculação é uma das maneiras mais simples e eficazes de perder peso e manter a boa forma física. O treino com pesos ajuda não apenas a reduzir a gordura, mas também a ganhar e a definir os músculos, e a melhorar o metabolismo do praticante. A musculação exige uma dedicação e um esforço substancial da parte do praticante. Mas infelizmente, alguns indivíduos, muitas vezes obcecados pela autoestima elevada conseguida por um corpo escultural, exageram na atividade física, tornando o hábito muito perigoso.

Por tudo isso, é preciso ter noção da importância que o repouso tem na prática da musculação, evitando o excesso no grau de dificuldade ou na duração do treino, que são os erros mais comuns. Às vezes, vale a pena fazer um intervalo para repensar se a prática de exercício físico está sendo encarada da melhor forma, se é preciso mudar alguma coisa ou se, pelo contrário, tudo corre bem com o treino e é possível continuar.

Além disso, é nos dias de descanso que os músculos que trabalharam arduamente são, de fato, moldados. Ou seja, quando se faz o planejamento do um treino é preciso incluir os dias de repouso, em número suficiente, comparativamente à quantidade de dias em que ocorre o exercício. Nos dias de repouso, se pretender manter-se ativo, fique longe da academia – passeie, corra ou ande de bicicleta.

O exagero na atividade física regular acontece quando a quantidade total de treinamento, ou seja, a relação entre frequência, intensidade e duração do exercício, exceder a capacidade de adaptação do organismo. Noites de sono agitado ou mesmo períodos de insônia, mau humor e irritabilidade no relacionamento de trabalho e familiar também podem ser sinais de que o treino está muito intenso. Outro indício são as lesões e dores muito intensas.

As associações bem como as mudanças no treinamento devem ser bem planejadas para que os novos limites sejam respeitados. Perder peso, por exemplo, exige uma dieta associada ao exercício, impondo uma adaptação ao planejamento inicial, evitando assim exercícios em excesso.

A decisão de praticar uma atividade física regular pode mudar sua vida e uma avaliação inicial, com aconselhamentos periódicos, pode garantir que esta mudança seja definitiva. Se possível, procure um médico especializado em medicina do esporte e pratique seu exercício com segurança, obtendo o máximo de orientações que ele tem a oferecer.



Saude plena

2 comentários:

  1. Obrigado pelo link, já te linkei também.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  2. Ótimas as suas dicas.
    muitos querem ter um corpo sarado e nem param para pensar no que estáo fazendo para consegui-los, cometendo vários exageros que farão a diferença mais tarde, na hora em que a saúde começar a falhar.

    Parabens

    ResponderExcluir

Por favor ... deixe seu comentário.