29 de outubro de 2010

Desejos de gente grande











…leia mais

28 de outubro de 2010

Atenção, não se engane achando que comida Japonesa é Light !!!




Muita gente acredita que a comida japonesa é super light e leve.
O sashimi é uma ótima fonte de proteínas e ainda possui a Omega 3. sendo que o salmão é o peixe que mais tem Omega 3 seguido pelo Atum. Porém não se engane, no arroz que é utilizado para fazer o sushi tem acúcar e dependendo da receita, a quantidade pode ser relativamente alta.
Para ter uma idéia algumas receitas levam de 300 g a 600g de acúcar para 1 kg de arroz, ou seja, uma quantidade bem alta. Isto faz com que o índice glicêmico seja alto, o que ocasiona picos de insulina e faz com que as enzimas do acúmulo de gordura, chamadas lipaselipo proteica, sejam liberadas....em outras palavras, vai zuar o barraco da sua dieta, principalmente se você é um atleta que controla muito bem a alimentação.

Outro que devemos ter cuidado é o shoyo que possui um valor elevado de sódio.
Em uma colher de shoyo tem o valor de sódio que um adulto deveria ingerir no seu almoco todo.
O shoyo light é uma boa opcão, pois ele nao tem acúcar e a quantidade de sódio é reduzida, porém continua sendo alta. 
O sódio nao é bem vindo, pois apesar de trazer riscos a saúde, como aumento de pressão arterial e retencão hídrica (água) o que ocasiona inchacos.

Outra dica importante para evitar excessos em restaurantes japoneses é escolher pratos combinados, ao invés das opções de rodízio. Quase ninguém é capaz de trocar o "coma-o-quanto-quiser" pelas porções de seis rolinhos, mesmo sabendo que, no rodízio, os sushis são preparados de forma tão mecânica que desapontariam qualquer sushiman que se preze. E quando a refeição termina, você devorou algo perto de 350 gramas de carboidratos, 80 gramas de proteína, 50 gramas de gordura e mais de 2.000 calorias. Um total energético muitas vezes superior à recomendação de um dia inteiro.

Portanto para quem gosta de comida japonesa, cuidado na quantidade achando que um simples peixinho cru não vai atrapalhar.





Fonte : Blog Fernanda Carvalho

…leia mais

27 de outubro de 2010

Salvem o Haiti

A disputa presidencial atinge seu momento crucial. Todavia, um assunto me fez deixá-la de lado.
A crise no Haiti, decorrente de seu passado social trágico aliado a um dos maiores desastres da natureza ocorrido em janeiro - um terremoto devastador -, que não só continua latente como foi capaz de, literalmente, me deixar chocado diante do relato do jornalista Fabio Seixas, da Folha de S.Paulo, que esteve no Haiti semana passada.

Leitor do blog do jornalista, voltado para automobilismo, e de suas reportagens, com destaque para o seu périplo por todos os países participantes da Copa da África durante os 31 dias do torneio, o considero um jornalista de alta credibilidade. E por que este intróito? Porque o relato do jornalista é chocante e muito triste. A ele, pois.


 


É o Haiti

“Bonjour, blanc.”
E o menino num dos acampamentos de Porto Príncipe, onde um dia foi a residência do Primeiro Ministro, me desarma.
“Blanc”. Branco. Diferente.
Diferente dele, diferente de todos por ali. Um corpo estranho. Num lugar dos mais estranhos. Mas que, para ele, é normal. É a vida.
“Bonjour , blanc.”
Ouvi isso em todos os acampamentos em que estive nos últimos dias.
Porque sou diferente deles. Não sou negro, não sou haitiano, não vivo numa barraca.
Acampamentos que não têm esgoto a céu aberto pelo simples fato de que o esgoto não corre por ali. Fica. Empoçado, ao lado das brincadeiras das crianças, do dia-a-dia das vacas, dos porcos, das galinhas.

O nome do garoto no tal acampamento, o primeiro a me chamar de “blanc”, é Sebastian Junior. Tem 9 anos. Mora há nove meses numa barraca, com o pai e os irmãos. A mãe morreu no terremoto de 12 de janeiro.
Já estive em lugares precários. Fui ao interior da Tailândia, ao Kosovo, à Nigéria. Fui a buracos do sertão do Nordeste brasileiro. Fui a favelas em São Paulo.
Não vi probreza assim.
Imagine a pior das condições de sobrevivência.
Multiplique por dez.

É o Haiti.

“Vou para a escola de manhã. À tarde, estudo um pouco. E brinco com meus amigos”, diz Sebastian.
Vai à escola andando. E talvez seja mais rápido do que subir numa das caminhonetes apinhadas de gente. Porque o trânsito em Porto Príncipe não anda. É o caos.
Imagine ruas estreitas sem sinalização, com enormes crateras, cheias de pedestres, jipes, caminhões, tratores. Multiplique o número de veículos por cem. Divida a largura das ruas pela metade. Acrescente gritos, buzinas, bicicletas, motos, absoluta falta de iluminação urbana.

É o Haiti.

Ao lado da barraca de Sebastian há uma piscina. Ou o que um dia foi uma piscina do Primeiro Ministro. Hoje está cheia de tendas.
Numa delas vive Julianes Pierre. Tem 11 anos, é amiga de Sebastian. “É muito ruim viver aqui. Vivemos com dor de estômago. Quando chove, a água entra. Dormimos molhados.” É estação das chuvas.

É o Haiti.

Foram apenas quatro dias por aqui. E o tempo todo, uma pergunta vem à cabeça. É inevitável: “Como eles conseguem viver?”

Concluí que eles vivem porque não sabem que existe outro tipo de vida.
Não sabem o que é entrar num banheiro azulejado, fechar a porta, sentar em paz numa privada, tomar um banho em privacidade, escovar os dentes, sair arrumado. Não sabem o que é estar diante de uma mesa e receber uma salada, um prato cheio de comida quente, uma sobremesa. Não sabem o que é meter o dedo num interruptor e ver uma lâmpada acender.
Você já deve ter sentido isso: uma pessoa querida morre e você percebe que tantas das suas preocupações diárias não fazem o menor sentido, não têm importância, não valem nada.
Multiplique por mil.


Além deste relato, o jornalista fez diversas reportagens, entre as quais uma entrevista com Edmond Mulet, chefe da missão da ONU no Haiti. Perguntado sobre a situação do país, Mulet responde de forma direta: “não vejo luz no fim do túnel”.

No meio de tanta tragédia, nós, brasileiros, temos algo com que se orgulhar. Veja a opinião de Mulet sobre a ação do Brasil do Haiti:

“É um dos compromissos mais positivos e construtivos em anos. O Brasil realmente fez a diferença. Foi o primeiro a colocar dinheiro nos fundos para a reconstrução e para as eleições. Quando o presidente [René] Préval pediu ajuda técnica para construir uma nova hidroelétrica aqui, foi o Brasil que levantou a mão... Desde o terremoto, o Brasil já mandou mais de 300 voos com ajuda humanitária. Mais de 300 voos em nove meses! Ninguém fez nada parecido.”

Se o mundo quisesse, o Haiti não estaria nesta situação!

Mas como é um país “insignificante” da América Central, sem grandes riquezas naturais para saquear...

 
 
 
Por : Pedro Rossi

…leia mais

25 de outubro de 2010

Informe da semana

Tiririca informou que concorda em realizar o teste escrito, desde que quem corrija seja o Lula e também aproveitou para avisar que se não puder ser empossado o povo vai continuar sem saber o que faz um Deputado Federal.





…leia mais

23 de outubro de 2010

Coletânea de verdades



O amor não é aquilo que te pega de surpresa e te deixa totalmente sem ar. O nome disso é asma.

O amor não faz brotar uma nova pessoa dentro de você. O nome disso é gravidez.

O amor não torna as pessoas mais bonitas. O nome disso é álcool.

Se você não quer ouvir reclamações, trabalhe no SAC de alguma empresa fabricante de paraquedas.

Todo mundo comete erros. O truque é cometê-los quando ninguém está olhando.

Calculei meu IMC e constatei que minha altura está 20 cm abaixo da ideal.

Leio a Playboy pela mesma razão que leio a National Geographic: Gosto de ver fotografias de lugares que sei que nunca irei visitar.

Dizem que a bebida resolve todos os problemas. Pra mim ainda não resolveu, mas eu sou brasileiro e não desisto nunca!

As melhores crianças do mundo são as japonesas. Estão a 20 mil quilômetros de distância e quando estão acordadas eu estou dormindo.

Se acupuntura adiantasse, porco-espinho viveria para sempre.

Calorias são pequenos vermes inescrupulosos que vivem nos guarda-roupas, e que a noite ficam costurando e apertando as roupas das pessoas.

Se você se lembra de quantas bebeu ontem, então você não bebeu o bastante.

Cerveja sem álcool é igual travesti: a aparência é igual, mas o conteúdo é bem diferente!

…leia mais

22 de outubro de 2010

Trocando as cabeças

Dizem que o filho é a cara do pai .... 
Quando vamos conhecer o mais novo membro de uma família sempre mostram aquelas fotos branco e preto do pai de fraldinha deitado de bruço quando tinha alguns meses para provar que o filhote é realmente cópia do pai coruja.

Por isso, uma brincadeira muito criativa e engraçada rolou na internet com algumas fotos do álbum de família.













…leia mais

21 de outubro de 2010

Pergunta aos advogados.

Peço-vos que, com os amplos conhecimentos que possuem, ajudem a responder com base nas imagens à questão jurídica abaixo colocada...







Isto é uma "violação estatutária" ou... um "engano monumental"?

…leia mais

20 de outubro de 2010

Precisa de distração enquanto está no banheiro?

As vezes é bom ter alguma distração para ajudar no processo !!!









…leia mais

19 de outubro de 2010

Por que voto na Dilma!





No segundo turno meu voto vai para a candidata Dilma Rousseff sem pestanejar, e por uma razão tão simples quanto ampla e fundamental. Diferença de projeto, de programa. Enquanto o candidato tucano José Serra representa o fracassado e malogrado projeto neoliberal, a candidata do PT representa um projeto distributivista, com foco na justiça social, em que o Estado atua como indutor do desenvolvimento e, sobretudo, promotor de direitos e políticas públicas que conferem um maior grau de inclusão social.

Não da forma que eu penso ser necessária, motivo pelo qual não a denomino como candidata de um projeto de Estado do bem estar social, mas, ainda assim, a léguas de distância de seu adversário quando se trata da criação de direitos às classes menos favorecidas. Condição essencial, registre-se, à entrada destes na roda social, econômica e cultural da sociedade e, conseqüentemente, a diminuição da obscena desigualdade social brasileira ainda vigente.

O candidato Serra, por outro lado, representa o projeto neoliberal ao qual o PSDB defende desde sua passagem por Brasília. E que o Estado de São Paulo, nestes últimos 16 anos, e a aliança com o DEM não me deixem mentir. Este projeto é galgado em três princípios básicos – e nefastos –, quais sejam: precarização do trabalho; transformação dos serviços públicos essenciais em mercadorias atrativas aos grandes capitais e, consequentemente, deficientes aos seus usuários de direito; e, por fim, o incentivo para que o mercado se torne o único instrumento gerador de riqueza e distribuição de justiça social.

Bem, aqui, se me permitem, vale um comentário tão irônico quanto indignado. Acreditar que os capitais serão a mola propulsora da justiça social é ser tão desonesto quanto escroques da estirpe de Maluf e Daniel Dantas. Os capitais têm, por natureza intrínseca, única e indissolúvel a busca do lucro, e somente isso. O resto (empresas que se vendem como socialmente e/ou ambientalmente sustentáveis) é espuma, perfumaria.

Na questão trabalhista, o êxito do atual governo não está só em um maior número de empregos gerados, se comparado ao período tucano anterior. Está, sobretudo, na qualidade destes empregos, com carteira assinada, uma das diferenças básicas de um projeto neoliberal para um projeto distributivista de renda.

Não à toa, segundo João Sicsú, diretor de estudos e políticas macroeconômicas do IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), a participação das rendas do trabalho no PIB desde 1995 mostram bem esta diferença de projetos de governo. Em 1995, a soma dos salários e das remunerações de autônomos – trabalhadores, enfim - representava 64% do PIB. Esta proporção apresentou uma trajetória de queda contínua até 2004, quando alcançou 58%. A partir de 2005, houve um ponto de inflexão na trajetória, que se tornou ascendente, em todos os anos, de forma consecutiva.

Deve ser por isso que o candidato Serra escamoteia seu projeto e foca sua campanha em coisas menores, como aborto, biografia dos candidatos e ataques levianos, para não dizer criminosos, a sua concorrente. Aliás, o que tem de e-mails e vídeos produzidos pela campanha tucana circulando com inverdades é vergonhoso. E os tucanos ainda se arvoram no direito de apontar os opositores como um perigo à democracia. Ah, quer saber, como diz o intrépido jornalista Jorge Kajuru, vá te catar Serra!

 
Pedro Rossi

…leia mais

Verão está chegando: Prepare a sunguinha e o biquini!!!

Verão, férias, praia, sunga, biquíni ... sunga e biquíni ???

É onde começa todo o problema.

Com a proximidade do verão as academias lotam, pois o desfile dos corpos sarados nas praias é o que todos buscam, é uma pena que a maioria não encontra!!
- Mas eu não encontro minha barriga de tanquinho por que heim?? Entrei na academia que promete resultados em 60 dias com 30 minutos de treino diário e eu faço direitinho !!!
- Pois é ... e a alimentação como vai ?
- Aaaaah....vai bem obrigado!! Só não consegui largar o happy hour de quinta no bar do Juca, que maravilha de bolinho de bacalhau e lógico que o almoço da mamita no domingo é imperdível né? No mais eu dei uma diminuída nos doces, só como 2 bonos depois da “janta”.

Os nutricionistas dizem que o grande sucesso da malhação vem da alimentação saudável e que se você não consegue se livrar da feijuca de quarta, nhoc de sexta, churrasco do sábado e a macarronada do domingo provavelmente o tanquinho da sua barriga vai ficar escondido por toda banha consumida na semana.

- Pow mano, e aquele carinha que ta mó saradinho ?
- Aquele ali? Ele segue uma baita dieta, super regrada. Come a cada 3 horas, proteínas e carboidratos sem gordura e nada de doces, álcool e frituras.
- Aaaaaaa não, peeeelamordedeus. Eu não agüento isso não!

Simples...assuma o panceps e não reclame depois no meio do verão que podia ter feito dieta.

Lógico que não podemos ficar nos extremos e nem neuróticos, mas um pouco de força de vontade é necessário para atingir resultados positivos, como em tudo que fazemos na vida.




…leia mais

18 de outubro de 2010

Marcas profundas




Uma vez havia um garoto que tinha um temperamento muito difícil.
O pai desse garoto lhe deu um saco c/ pregos e disse que, toda vez que ele perdesse sua paciência, ele deveria martelar um prego atrás da cerca.
No primeiro dia o garoto enfiou 37 pregos na cerca.
Em algumas semanas, conforme ia aprendendo a controlar seu temperamento, o número de pregos martelados por dia foi reduzindo gradativamente.
Ele descobriu que era mais fácil controlar seu temperamento do que martelar todos aqueles pregos na cerca... Finalmente, chegou o dia em que o garoto não perdeu a paciência. Então, ele contou ao seu pai e este sugeriu que ele retirasse um prego por dia cada vez que ele conseguisse controlar sua irritação. Finalmente chegou o dia em que o garoto havia retirado todos os pregos da cerca. Então, seu pai segurou sua mão e levou-o até a cerca e disse:
"Você foi muito bem meu filho, mas olhe os buracos na cerca. A cerca jamais será a mesma."
Quando você diz coisas com raiva, tais coisas deixam cicatrizes exatamente como estas. Você pode enfiar uma faca em um homem e retirar. Não vai importar quantas vezes você peça desculpa, o buraco vai estar lá do mesmo jeito.
Um ferimento verbal é tão ruim quanto um físico.




Autor desconhecido




…leia mais

15 de outubro de 2010

Atenção...confidencial...denúncias que vão surgir antes do 2º turno !!!



Eeeeeeeeeextra, eeeeeeeeextra .... tivemos acesso a arquivos confidenciais que mostram as próximas denúncias que vão surgir antes do 2º turno das eleições para presidente.
São sérias e precisam ser investigadas.



. Folha afirma que Dilma planeja a invasão aos Estados Unidos.

. Investigação francesa revela que Dilma embriagou motorista da Princesa Diana no dia de sua morte.

. Veja: Dilma colocou remédio na água da Vanusa antes dela cantar o hino nacional.

. Folha de São Paulo: Dilma tentou quebrar o sigilo da receita da Coca-Cola.

. Dilma foi responsável pela queda da Torre de Babel.

. Folha: Dilma tem ligações com as Farc, Ferc, Firc,Forc e Furc.

. Folha de São Paulo: Há 100 dias não chove por culpa de Dilma. Serra a critica e diz que vai solucionar o problema.

. Folha Exclusivo: O PT roubou cavalo de D.Pedro, obrigando-o a proclamar a Independência em cima de um pangaré!

. Capa policial: Dilma é acusada pela prisão de ventre e toda sua turma!

. Folha de São Paulo: Descoberta participação de Dilma nos atentados de 11 de setembro.

. Globo Repórter: Dilma é responsável pelo terremoto no Haiti.

.Folha: Fevereiro tem menos dias por culpa de Dilma.

. Estado de Minas revela: Dilma não quer transposição do mar para Minas Gerais

. Escândalo: Os sete ganhadores da Mega Sena pertencem a campanha de Dilma.

. Época revela: Dilma seria culpada pelo excesso de peso do jogador Ronaldo.

. Le Monde para a Folha, exclusivo: "Polícia descobre que Dilma matou Joana D'Arc".

. Marina denuncia 2 crimes ecológicos de Dilma: devastação de Serra e extinção de tucanos.

. William Bonner confessa que Dilma é culpada de ter arranhado sua hérnia de disco .

. Estadão descobre que Dilma é a mãe do Chaves e abandonou ele na vila dormindo no barril.

. Exclusivo: Foi Dilma quem cortou dedo de Lula com requintes de crueldade quando ele ainda não tinha dinheiro pra pagar manicure.

. Denúncia da revista IstoÉ: Neto de Dilma nasce violando sigilo de Veronica Serra! PSDB pede impugnação do nascimento do moleque!.

. Manchete Veja: Dilma é criminosa: mandou cortar a perna do saci pererê.

. Folha: Dilma envenenou a maçã da Branca de Neve.

. O Globo - exclusivo: Não matou Jesus mas foi Dilma quem entregou o dinheiro a Judas Iscariotes.

. PSDB denuncia: Dilma é acusada de interferir no romance de Tiririca com Florentina de Jesus.

. Fontes seguras da Folha (Seca) confirmam que Dilma, quando era das FARC matou John Lennon!




…leia mais

14 de outubro de 2010

Ginástica matinal do Sr Leão marinho

Não é que o Sr Leão marinho está fazendo melhor que muita gente ???




…leia mais

13 de outubro de 2010

Dizer que a classe média paulistana é retrógrada é eufemismo!



Ah, pqp (ia dizer Meu Deus, somente por força cultural, mas já estou de saco cheio desta babaquice religiosa que está tomando conta das eleições!) por isso, com todo respeito aos leitores do blog, vai um pqp mesmo. E por quê? Porque acabo de ler um texto que me conforta, que se coaduna com tudo que penso a respeito dos posicionamentos reacionários insuportáveis da classe média paulistana.

Como tenho dito, os caras – esta classe média imoral – querem o Papai Noel, o Coelhinho da Páscoa e o Halloween só pra eles. Aí não dá né!

Leiam abaixo o brilhante texto do jornalista e cientista político Leonardo Sakamoto.

Primoroso!





O caminho para transformar políticas de governo em políticas de Estado é lento e difícil. Ao que parece, os partidos de oposição perceberam que não conseguirão apoio das classes populares sem garantir que manterão ou ampliarão determinados programas, como os de transferência de renda, vinculados ou não à educação – que tiveram seu início na era FHC e passaram por um processo de universalização no governo Lula. Programas que contribuíram, e muito, para movimentar a economia em locais antes estagnados.

Considerando que a renda de capital foi estratosfericamente maior que a renda do trabalho e os recursos usados para o pagamento de juros foram bem maiores que os usados para os programas sociais (em todos os governos, de FHC a Lula), fico extremamente incomodado quando ouço pessoas reclamando que “dar dinheiro aos pobres os torna vagabundos”.

E o dinheiro que vai às classes mais abastadas, que investem em fundos baseados na dívida pública federal? Em 2006, foram R$ 163 bilhões, enquanto os programas sociais contavam com 13% disso (dados do Ipea). Grosso modo, muito vai para poucos e pouco vai para muitos. E, mesmo assim, sou obrigado a ouvir pérolas quase que diariamente, reclamando dos programas de transferência de renda, não no sentido de melhorá-los, mas de extingui-los. É claro que é importante avançar na construção de “portas de saídas” para programas como o Bolsa-Família, gerando autonomia econômica. Mas a raiva com a qual essas iniciativas vêm sendo tratadas durante a eleição por algumas pessoas me surpreende.

E se eu dissesse que “dar dinheiro aos ricos os torna vagabundos?” Por que usar a frase para os ricos é ser um “analista sensato da realidade” e usar a frase aos pobres é ser um “$#@%# de um comunista safado”?

A conversa, abaixo, ocorreu recentemente em um local de trabalho de um bairro rico da cidade de São Paulo. Uma menina de classe média alta paulistana desabafou com sua interlocutora, recentemente integrada à classe média baixa:

- Essas bolsas ficam alimentando vagabundo! É tudo bolsa-preguiça: bolsa-escola, bolsa-faculdade, bolsa-família…

(O que ela não imaginava é que a outra pessoa era beneficiária do programa federal que concede bolsas de estudos a estudantes de graduação.)

- Bolsa-preguiça, não! Porque eu trabalho e tenho que dar dinheiro em casa, além de tudo. Bolsa-preguiça é a mesada que seu pai te dá sem que você tenha que botar a mão no bolso.

Depois disso, ainda tive que engolir um comentário de um terceiro para quem mostrei essa conversa: “pô, a bolsista tinha que apelar? Pobre é tudo mal educado mesmo.” Não, não, não, não. Ele não estava fazendo uma piada.

Dava para passar o dia discutindo o tema. Mas deixo isso para alguns comentários vazios que são gerados na internet por visões distorcidas e medos individuais, protegidos pelo anonimato covarde da tela de computador. Afinal, este post não está criticando ou elogiando partidos ou governos, mas tentando entender o que, além do preconceito, faz com que um cidadão que tenha um pouco mais na conta bancária acredite que pisar no andar de baixo é a solução para galgar ao andar de cima? E que o futuro do país é feito uma Arca de Noé, com espaço para salvar pouca gente do dilúvio iminente?

Para esse pessoal, é cada um por si e Deus – proporcionalmente ao tamanho do dízimo deixado mensalmente – para todos. Fraternidade e solidariedade são palavras que significam “doação de calças velhas para vítimas de enchente”, “brinquedos usados repassados a orfanatos no Natal” ou “uma doaçãozinha limpa-consciência feita a alguma ONG”. Nada sobre um esforço coletivo de buscar a dignidade para todos, porque todos (teoricamente, apenas teoricamente) nascem livres e iguais.

 
 
 
 
Por : Pedro Rossi

…leia mais

10 de outubro de 2010

Querida mamãe

Hoje, aos 30 e poucos anos lembro dos ensinamentos que Mamãe me deu e que com vou transmitir aos meus filhos ...... :



Minha mãe ensinou a VALORIZAR O SORRISO...
"ME RESPONDE DE NOVO E EU TE ARREBENTO OS DENTES!"

Minha mãe me ensinou a RETIDÃO...
"EU TE AJEITO NEM QUE SEJA NA PANCADA!"

Minha mãe me ensinou a DAR VALOR AO TRABALHO DOS OUTROS...
"SE VOCÊ E SEU IRMÃO QUEREM SE MATAR, VÃO PRA FORA. ACABEI DE LIMPAR A CASA!"

Minha mãe me ensinou LÓGICA E HIERARQUIA...
"PORQUE EU DIGO QUE É ASSIM! PONTO FINAL! QUEM É QUE MANDA AQUI?"

Minha mãe me ensinou o que é MOTIVAÇÃO...
"CONTINUA CHORANDO QUE EU VOU TE DAR UMA RAZÃO VERDADEIRA PARA VC CHORAR!"

Minha mãe me ensinou a CONTRADIÇÃO...
" FECHA A BOCA E COME!"

Minha Mãe me ensinou sobre ANTECIPAÇÃO...
"ESPERA SÓ ATÉ SEU PAI CHEGAR EM CASA!"

Minha Mãe me ensinou sobre PACIÊNCIA...
"CALMA!... QUANDO CHEGARMOS EM CASA VOCÊ VAI VER SÓ..."

Minha Mãe me ensinou a ENFRENTAR OS DESAFIOS...
"OLHE PARA MIM! ME RESPONDA QUANDO EU TE FIZER UMA PERGUNTA!"

Minha Mãe me ensinou sobre RACIOCÍNIO LÓGICO...
"SE VOCÊ CAIR DESSA ÁRVORE VAI QUEBRAR O PESCOÇO E EU VOU TE DAR UMA SURRA!"

Minha Mãe me ensinou sobre o REINO ANIMAL...
"SE VOCÊ NÃO COMER ESSAS VERDURAS, OS BICHOS DA SUA BARRIGA VÃO COMER VOCÊ!"
Minha Mãe me ensinou sobre GENÉTICA...
"VOCÊ É IGUALZINHO AO SEU PAI!"
Minha Mãe me ensinou sobre minhas RAÍZES...
"TÁ PENSANDO QUE NASCEU DE FAMÍLIA RICA É?"

Minha Mãe me ensinou sobre a SABEDORIA DE IDADE...
"QUANDO VOCÊ TIVER A MINHA IDADE, VOCÊ VAI ENTENDER."
Minha Mãe me ensinou sobre JUSTIÇA...
"UM DIA VOCÊ TERÁ SEUS FILHOS, E EU ESPERO QUE ELES FAÇAM PRÁ VOCÊ O MESMO QUE VOCÊ FAZ PRA MIM! AÍ VOCÊ VAI VER O QUE É BOM!"
Minha mãe me ensinou RELIGIÃO...
"MELHOR REZAR PARA ESSA MANCHA SAIR DO TAPETE!"

Minha mãe me ensinou o BEIJO DE ESQUIMÓ...
"SE RABISCAR DE NOVO, EU ESFREGO SEU NARIZ NA PAREDE!"

Minha mãe me ensinou CONTORCIONISMO...
"OLHA SÓ ESSA ORELHA! QUE NOJO!"

Minha mãe me ensinou DETERMINAÇÃO...
"VAI FICAR AÍ SENTADO ATÉ COMER TODA COMIDA!"

Minha mãe me ensinou habilidades como VENTRÍLOQUO...
"NÃO RESMUNGUE! CALA ESSA BOCA E ME DIGA POR QUE É QUE VOCÊ FEZ ISSO?"

Minha mãe me ensinou a SER OBJETIVO...
"EU TE AJEITO NUMA PANCADA SÓ!"

Minha mãe me ensinou a ESCUTAR ...
"SE VOCÊ NÃO ABAIXAR O VOLUME, EU VOU AÍ E QUEBRO ESSE RÁDIO!"

Minha mãe me ensinou a TER GOSTO PELOS ESTUDOS...
"SE EU FOR AÍ E VOCÊ NÃO TIVER TERMINADO ESSA LIÇÃO, VOCÊ JÁ SABE!..."

Minha mãe me ajudou na COORDENAÇÃO MOTORA...
"JUNTA AGORA ESSES BRINQUEDOS!! PEGA UM POR UM!!"

Minha mãe me ensinou os NÚMEROS...
"VOU CONTAR ATÉ DEZ. SE ESSE VASO NÃO APARECER VOCÊ LEVA UMA SURRA!"



 
Brigadão, Mãe !!!

…leia mais

8 de outubro de 2010

Tirinhas inteligentes

Nada melhor do que tirinhas inteligentes para retratar o cenário atual do nosso Brasil baronil nil nil nil !!!








Seu Edibar







…leia mais