22 de setembro de 2008

Human Brothers, socorro já!

Toda segunda-feira é dia da Bronca do Pedrão


A semana que passou foi de extrema tensão para a economia mundial.
Isto porque a crise econômica, desta vez, atingiu o coração do sistema capitalista, Wall Street. Desde a queda da bolsa de Nova York, em 1929, que não se via uma crise econômica destas proporções no centro da economia mundial.
Porém, não menos importante foi o relatório divulgado pela FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura), também na semana passada, sobre a situação da fome no mundo. São mais de 900 milhões de famintos!

Mas é claro que diante de uma crise econômica de proporções imensuráveis e sem paralelo recente na história mundial, o relatório da FAO sobre algo corriqueiro passou desapercebido. Talvez também passasse se o banco dos irmãos Lehman estivesse indo de vento em popa e se a maior seguradora do mundo estivesse lucrando horrores.

O fato é que a causa desta crise no mercado financeiro, que já vem se pronunciando há mais de ano, é nada mais nada menos que a irresponsabilidade de gestores de bancos de investimentos de alto risco. Inacreditável não é. E olha que tal expressão, irresponsabilidade dos administradores, foi usada de forma literal como principal causa da crise pelo representante brasileiro no FMI (Fundo Monetário Internacional), o economista Paulo Nogueira Batista, em entrevista à rádio CBN.

Pois bem, diante da bancarrota do banco dos irmãos Lehman e da quase falência da seguradora AIG (e olhem, senhores, que paradoxo, uma seguradora que na verdade... não era administrada com qualquer prudência), os bancos centrais dos EUA, da Europa, do Japão e de mais alguns países endinheirados liberaram em apenas uma semana quantias astronômicas de dinheiro. Só o governo americano está enviando ao Congresso um projeto que envolve 700 BILHÕES de dólares para socorrer as instituições financeiras em dificuldade. Se somarmos as vultuosas quantias despendidas pelos bancos centrais acima citados, ultrapassamos facilmente o inimaginável valor de 1 trilhão de dólares para salvar o mundo da crise econômica.

Mas e para salvarmos o mundo da fome? Que assola mais de 900 milhões de pessoas, o equivalente a quase 5 Brasis, e que não é fruto da irresponsabilidade dos famintos e sim do perverso sistema econômico vigente que passa por tal crise. Quanto custaria? Trilhões e trilhões de dólares? A resposta, que se encontra no relatório da FAO, é que se precisaria investir 30 bilhões de dólares por ano para duplicar a produção de alimentos e acabar com a fome.

Entretanto, da mesma forma que seria mais um ato de irresponsabilidade os governos não intervirem na crise econômica vigente, não resolver o problema da fome no mundo mediante tal comparação de valores apresentados é vergonhoso. Tal problema só não é resolvido pois as pessoas que poderiam resolve-lo, com certeza, nunca passaram fome de verdade.
É claro que o plano de salvação do mercado financeiro lançado pelos principais bancos centrais (instituições estatais) do mundo tem toda importância. E por causa disso, também, fica claro, ou melhor, cristalino que o todo o sistema financeiro mundial deve ser submetido a uma forte regulação estatal. Afinal, gostaria de ouvir, neste momento, algum sereno e ferrenho defensor do neoliberalismo que o correto seria deixar o mercado resolver seus problemas por si só, nem que isto custasse, como era iminente alguns dias atrás, a quebradeira de diversos bancos e até da maior seguradora do mundo.

A verdade é que sempre sobra para os Human Brothers tais crises deste mundo perverso em que vivemos. Afinal são nossos Human Brothers que passam fome, algo terrível que, felizmente, nem sei o que é. E, dessa forma, são eles os maiores necessitados. Pois, como sabemos, os Lehman Brothers, Morgan Stanley Brothers e semelhantes, apesar de toda crise, estão com a barriga e a conta bancária bem recheada.

--------------------------------------------------------------------------------


Notinhas



Eu gostaria de saber a situação econômica atual dos tais administradores irresponsáveis das instituições financeiras que passam extremas dificuldades.

Só por curiosidade.

*********************


No site do banco de investimentos Lehman Brothers, que pediu concordata na semana que passou, há uma sessão intitulada “Carreiras no Lehman”, que relata as carreiras, a vida, as oportunidades e como é trabalhar no Lehman Brothers.

Quem se habilita?


********************


“O secretário do Tesouro americano também disse que os Estados Unidos estão pressionando outros países para criar planos semelhantes de socorro às instituições financeiras.”

fonte: uol economia

Muitos países subdesenvolvidos, como o Brasil, também já fizeram o mesmo pedido, porém visando o socorro da miséria nos países pobres. A resposta dos países ricos, em especial dos EUA, é um polido, educado e gentil NÃO.

Obs: reconheço, entretanto, que tal pedido visa proteger instituições financeiras de todo mundo, não só as americanas.


****************************

“É o socialismo das perdas na terra do capitalismo.”

Brilhante frase do jornalista André Kfouri, acerca da crise econômica atual, em seu blog.

27 comentários:

  1. Muito bom seu post! Retrata a indiferença em relação aos mais necessitados, típica do capitalismo voraz, que hoje a América vê-se mergulhada e tenta não afundar-se.

    http://comideiaseideais.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. bom texto

    e é verdade essa crise ta fogo!

    ResponderExcluir
  3. Infelizmente, o socorro às essas instituições se faz necessário, numa economia globalizadamente atrelada. Se a nação mais poderosa do mundo se quebrar, o que acontecerá com seus quintais (Brasil incluído)? Isso só é revoltante quando pensamos na pobreza mundial...já pensou 1 trilhão de dólares destinado à erradicação da miséria, que maravilha seria? Mas infelizmente a ajuda aos ricos é necessária, senão a já mencionada erradicação da miséria se transformaria em multiplicação da mesma.

    http://carlosbueno.zip.net/

    ResponderExcluir
  4. a crise na economia , a fome de tanta gente pelo mundo... e a maioria das pessoas alheia a tudo isso ! a juventude cada vez mais alienada e egoista... governos como o do brasil que nao priorizam a educação ; e aí me pergunto qual a perspectiva de mudança? será que sou andorinha só...com esse post vejo que não!
    parabens...

    ResponderExcluir
  5. Em relação ao problema da fome, creio que a solução não está em somente dobrar a produção de alimentos. Grande parte da população mundial passa fome porque não tem acesso a comida, ou seja, não possui recursos para adquirí-la, sem verbas, sem dinheiro mesmo.
    A desigualdade na distribuição de renda é um dos mais impoprtantes fatores que determinam a fome no mundo.

    Bom post e bom blog!

    Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Gostei mesmo do seu blog.

    Bela matéria. Voce escreveu na manha de hoje? [só por curiosidade]

    Antes de entrar no trampo, parei na banca de jornal e vi a capa de uma revista falando sobre o 1 trilhao aplicado.
    Mas, ate então estava desenformado do causo. Agora, estou mais por cima =]

    bom blog, continue assim.

    ResponderExcluir
  7. mt bom o texto... eu n entendo como q os EUA q rouba, invade todo mundo, e ainda fica em crise...

    ResponderExcluir
  8. Vou tecer meu breve comentário. Indiscutível o fato que o bolso dos “businessman” de Wall Street não será afetado. Mas a questão não é tão simples assim. Imprudentes, irresponsáveis, também é difícil classificar. Apoiados no incentivo do FED surfaram ao praticar taxas de juros baixas e muitas vezes negativas. Mas uma crise de credibilidade/insegurança sobre o crédito causaria muito mais danos a economia mundial se não viesse a intervenção que muitos classificaram como a socialização das perdas, pois quem pagará essa conta serão todos os americanos.
    abrç

    ResponderExcluir
  9. Perfeito post, vou copiar caso caia no vestibular hahaha, eh triste ver que as pessoas se preocupam mais com a economia do que as 900 milhoes de pessoas que passam fome.

    ResponderExcluir
  10. Muito bom o post..... abordagem sensacional.....

    ResponderExcluir
  11. Pior de tudo é saber que estão investindo mais de 5 BILHÕES de dólares para construir uma porra de uma máquina que gira adoidadamente fodendo as partículas que estão no seu interior para POSSIVELMENTE manifestarem um mini-big-bang e poderem estudar melhor a origem do universo. Nessas horas dá vontade de mandara toda essa elite capitalista filha da puta à merda, porque com 5 bilhões muita gente estaria comendo melhor em várias regiões da África e Ásia. Não seria a solução para a fome e miséria, claro, mas uma boa contribuição com certeza.

    []'s

    Musikaholic

    ResponderExcluir
  12. e so a preta gil a aparecer pelada e o mundo se resolve essa e a solucao

    ResponderExcluir
  13. Aqui no Brasil também se socorreu bancos, e o dinheiro foi parar no bolso do Catcholla, que agora come sushi e salmão, no presídio especial de bangú, um escandalo.

    ResponderExcluir
  14. Quando começam os suicidios?

    ResponderExcluir
  15. É uma situação tão complexa.
    Com a globalização acaba virando uma teia de aranha ... e o fiozinho mais fraco arrebenta..

    eu concordo com o Jonatas..

    Abç..

    ResponderExcluir
  16. Eu com os meus 14 anos, estou com medo dessa crise se tornar igual a de 1929. Que Deus nos ajude!

    Mundo P-O-P - O Seu Mundo da Música está aqui!
    _____________________________
    http://mundop-o-p.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Parabens pelo texto e eh, Kfouri estava corretissimo...

    ResponderExcluir
  18. Obrigadaa pela msg Ok ? ;]

    Deus te abençoe muito *-*

    ResponderExcluir
  19. Crise,palavra tão ouvida e vivida ultimamente.

    Parabéns pelo post :D

    ResponderExcluir
  20. O problema que nesta crise quem paga o pato é o pobre, pois os ricos - o governo dá um jeito e ajuda.
    Abraços

    ResponderExcluir
  21. Não sei como conseguiram provocar algo tão grande!
    Acho que o capitalismo ainda deve continuar, mas o melhor de tudo é pensar...
    Se surgisse uma nova potência e derrubasse os EUA, quem seriam?

    ResponderExcluir
  22. Parabénsm texto bem bom. Se quiser, pode ver algumas merdas no www.paginadobrauner.zip.net
    É um lixo mesmo. O meu blog...

    ResponderExcluir
  23. É, infelizmente é o mundo em que vivemos. A pobreza assola o mundo cada vez mais. A crise mundial não afeta esses ricos(eles continuam ricos), não afetam os pobres(eles continuam pobres), afeta sim a classe média como nós que trabalhamos e sustentamos o país pagando absurdos de impostos e mais impostos. Moro no Japão há alguns anos e pela primeira vez sinto na pele a inflação que asola o país. Os preços aumentando à olhos vistos, falta de emprego, crise no sistema de aposentadoria(falta grana para sustentar tantos idosos que o país possui). Como superar tudo isso? A situação do governo não está nada bem, mudança de ministro a cada ano. Precisamos de um líder que dê conta de segurar esse país. Ontem foi eleito um novo dirigente, vamos torcer p que seje ele o homem a colocar novamente o Japão "de pé".
    Adorei o seu artigo! Parabéns!

    Aprendendo o básico da Língua Japonesa

    ResponderExcluir
  24. Caraca... eu realmente amei isso aqui.
    Que blog mais sacado, diferente.
    Você consegui misturar os assuntos sem fazer do texto uma salada de frutas sem creme de leite. Amei.
    Vou linká-lo no meu blog e passar sempre por aqui.



    Passe lá e confira.

    http://macacomlimao.blogspot.com

    ResponderExcluir

Por favor ... deixe seu comentário.